A Troller reinaugurou sua fábrica na cidade de Horizonte, no Ceará, com instalações ampliadas, modernizadas e equipadas com novos processos de manufatura. A transformação faz parte dos investimentos para a produção do Novo Troller T4, que chega ao mercado no mês que vem. O evento contou com a presença do governador do Ceará, Cid Gomes, do prefeito da cidade de Horizonte, Manoel Gomes de Farias, do vice-presidente de Assuntos Corporativos da Ford, Rogelio Golfarb, e do gerente de Operações da Troller, Wagner Conceição, além de jornalistas e convidados.

A fábrica da Troller passou por mudanças significativas em todos os setores para a produção da segunda geração do utilitário, com foco na qualidade e produtividade. O objetivo foi estruturar a unidade para a ampla renovação feita no veículo, que vai desde a carroceria até a motorização e equipamentos.

Os investimentos na modernização da planta incluíram novos processos de estamparia, soldagem, pintura e montagem e também a construção e reforma de instalações de apoio. Entre elas, dois novos depósitos de peças, pista de testes, estacionamento, portaria, restaurante e vestiários, além de reforços na infraestrutura, como uma nova subestação de energia, canais de drenagem, sistemas de iluminação e segurança.  

\"\"
 
Com a ampliação a fábrica passou a contar com 21 mil metros quadrados de área construída, em uma área total de mais de 95 mil metros quadrados. A soldagem por robôs e a estampagem de peças por compressão a quente estão entre os novos sistemas adotados na manufatura. 

Solda por robôs e estampagem a quente
 
O Novo Troller T4 utiliza chassi com perfil retangular fechado e um novo conceito de carroceria, chamado “space frame”. A sua estrutura tubular metálica é soldada por robôs, o que garante mais qualidade na montagem e estabilidade dimensional do veículo. Sobre essa base são aplicadas as peças estampadas em compósito especial – um material de fibra de vidro, resistente ao fogo, corrosão e impactos.  

A produção dessas peças também é feita por um processo novo e exclusivo, chamado SMC (“Sheet Moulding Compound”), de moldagem por compressão a quente em moldes de aço. Suas principais vantagens são a estabilidade dimensional e resistência, além de menor peso e excelente acabamento de superfície, que refletem na qualidade final do produto.

“Todas as peças da carroceria do Novo Troller T4 são produzidas por esse processo, que resulta em um produto avançado e de altíssima qualidade”, destaca Wagner Conceição. “As peças saem praticamente prontas para a pintura, sem a necessidade de lixamento e tratamento de superfície. Esse processo, único no Brasil, é o mesmo usado no Mustang GT e outros veículos de alta performance.” 

Processos de pintura e montagem
 
O sistema de pintura da fábrica também recebeu importantes modificações. Uma nova cabine foi instalada, com uma tecnologia que permite a definição da cor do veículo através do toque de apenas um botão. Ela torna o processo mais rápido e eficiente e conta com equipamentos que reduzem a emissão de compostos orgânicos voláteis. 

Na linha de montagem foram instalados novos dispositivos, ferramentas e um novo sistema eletrônico para aperto e torque de parafusos. Além disso, a fábrica passou a contar com um novo processo de testes e validação de todo o conteúdo eletrônico dos veículos.

Além das mudanças na área de manufatura do Novo T4, os investimentos na planta incluíram a construção de nova portaria, novos vestiários, um novo restaurante para os empregados e uma pista para testes específicos em todos os veículos que saem da linha de produção, com simulação de pisos de estrada e fora de estrada. 

Segurança e preservação
 
Todo o projeto de modernização da fábrica foi desenvolvido com base em conceitos modernos de ergonomia, segurança e preservação ambiental, para proteção dos operadores e do meio ambiente. O sistema de gerenciamento ambiental da planta inclui coleta seletiva e descarte adequado de todos os resíduos.

A reinauguração da fábrica de Horizonte, segundo Wagner Conceição,  faz parte do início de uma nova fase para a marca, que agora está completa em todos os sentidos. “Além de um produto totalmente novo, que incorpora tecnologias avançadas e foi intensamente testado, temos uma rede de distribuidores motivada e treinada nos mais altos padrões de qualidade e uma nova fábrica, totalmente remodelada e com maior capacidade de produção para atender a demanda. É realmente uma nova Troller, projetada para aumentar a satisfação dos clientes e ocupar uma nova posição no mercado".

O evento incluiu uma homenagem a José Airton da Silva, empregado mais antigo da Troller, como um reconhecimento a todo o time envolvido na produção do utilitário off-road líder do segmento no Brasil.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados
 
A Troller reinaugurou sua fábrica na cidade de Horizonte, no Ceará, com instalações ampliadas, modernizadas e equipadas com novos processos de manufatura. A transformação faz parte dos investimentos para a produção do Novo Troller T4, que chega ao mercado no mês que vem. O evento contou com a presença do governador do Ceará, Cid Gomes, do prefeito da cidade de Horizonte, Manoel Gomes de Farias, do vice-presidente de Assuntos Corporativos da Ford, Rogelio Golfarb, e do gerente de Operações da Troller, Wagner Conceição, além de jornalistas e convidados.

A fábrica da Troller passou por mudanças significativas em todos os setores para a produção da segunda geração do utilitário, com foco na qualidade e produtividade. O objetivo foi estruturar a unidade para a ampla renovação feita no veículo, que vai desde a carroceria até a motorização e equipamentos.

Os investimentos na modernização da planta incluíram novos processos de estamparia, soldagem, pintura e montagem e também a construção e reforma de instalações de apoio. Entre elas, dois novos depósitos de peças, pista de testes, estacionamento, portaria, restaurante e vestiários, além de reforços na infraestrutura, como uma nova subestação de energia, canais de drenagem, sistemas de iluminação e segurança.  

\"\"
 
Com a ampliação a fábrica passou a contar com 21 mil metros quadrados de área construída, em uma área total de mais de 95 mil metros quadrados. A soldagem por robôs e a estampagem de peças por compressão a quente estão entre os novos sistemas adotados na manufatura. 

Solda por robôs e estampagem a quente
 
O Novo Troller T4 utiliza chassi com perfil retangular fechado e um novo conceito de carroceria, chamado “space frame”. A sua estrutura tubular metálica é soldada por robôs, o que garante mais qualidade na montagem e estabilidade dimensional do veículo. Sobre essa base são aplicadas as peças estampadas em compósito especial – um material de fibra de vidro, resistente ao fogo, corrosão e impactos.  

A produção dessas peças também é feita por um processo novo e exclusivo, chamado SMC (“Sheet Moulding Compound”), de moldagem por compressão a quente em moldes de aço. Suas principais vantagens são a estabilidade dimensional e resistência, além de menor peso e excelente acabamento de superfície, que refletem na qualidade final do produto.

“Todas as peças da carroceria do Novo Troller T4 são produzidas por esse processo, que resulta em um produto avançado e de altíssima qualidade”, destaca Wagner Conceição. “As peças saem praticamente prontas para a pintura, sem a necessidade de lixamento e tratamento de superfície. Esse processo, único no Brasil, é o mesmo usado no Mustang GT e outros veículos de alta performance.” 

Processos de pintura e montagem
 
O sistema de pintura da fábrica também recebeu importantes modificações. Uma nova cabine foi instalada, com uma tecnologia que permite a definição da cor do veículo através do toque de apenas um botão. Ela torna o processo mais rápido e eficiente e conta com equipamentos que reduzem a emissão de compostos orgânicos voláteis. 

Na linha de montagem foram instalados novos dispositivos, ferramentas e um novo sistema eletrônico para aperto e torque de parafusos. Além disso, a fábrica passou a contar com um novo processo de testes e validação de todo o conteúdo eletrônico dos veículos.

Além das mudanças na área de manufatura do Novo T4, os investimentos na planta incluíram a construção de nova portaria, novos vestiários, um novo restaurante para os empregados e uma pista para testes específicos em todos os veículos que saem da linha de produção, com simulação de pisos de estrada e fora de estrada. 

Segurança e preservação
 
Todo o projeto de modernização da fábrica foi desenvolvido com base em conceitos modernos de ergonomia, segurança e preservação ambiental, para proteção dos operadores e do meio ambiente. O sistema de gerenciamento ambiental da planta inclui coleta seletiva e descarte adequado de todos os resíduos.

A reinauguração da fábrica de Horizonte, segundo Wagner Conceição,  faz parte do início de uma nova fase para a marca, que agora está completa em todos os sentidos. “Além de um produto totalmente novo, que incorpora tecnologias avançadas e foi intensamente testado, temos uma rede de distribuidores motivada e treinada nos mais altos padrões de qualidade e uma nova fábrica, totalmente remodelada e com maior capacidade de produção para atender a demanda. É realmente uma nova Troller, projetada para aumentar a satisfação dos clientes e ocupar uma nova posição no mercado".

O evento incluiu uma homenagem a José Airton da Silva, empregado mais antigo da Troller, como um reconhecimento a todo o time envolvido na produção do utilitário off-road líder do segmento no Brasil.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Empresas do Espítito Santo vão operar primeiro ônibus 100% elétrico da BYD

Veículo BYD tem 350km de autonomia e é pioneiro no segmento O primeiro ônibus elétrico par…