O modelo U 4023 off-road é a mais nova atração do Museu do Unimog em Gaggenau, Alemanha. O veículo, reconhecido mundialmente por sua robustez, é equipado com cabine dupla, amplo espaço para o motorista e mais seis pessoas. Essa cabina tem alças no teto e uma barra no banco do motorista como pontos de apoio e segurança para os passageiros dos bancos traseiros.
O U 4023 é equipado com o motor OM 934 LA de 4 cilindros em linha, de 233 cavalos de potência e torque de 900 Nm a 1.400 rpm. O veículo tem tração nas quatro rodas e peso total de 10 toneladas.
O Museu do Unimog é famoso por permitir que os visitantes dirijam os veículos por obstáculos com grandes inclinações presentes na pista de testes do museu. No percurso, os ocupantes do U 4023, por exemplo, praticamente se deitam quando o veículo está vencendo tais subidas. Quando olham pelo parabrisa, os passageiros conseguem enxergar somente o céu a sua frente, devido a grande inclinação dos obstáculos. Outro aspecto curioso da pista off-road do museu são as inclinações laterais de até 30 graus, que chamam a atenção dos ocupantes por possibilitar grandes oscilações e movimentações do veículo.
Todo ano, cerca de 20 mil visitantes vão ao Museu do Unimog, e destes, metade aproveita a oportunidade de dirigir um Unimog na pista externa. Os visitantes contam com cerca de 10 minutos no percurso, passando por cima de pedras e troncos, como também por outros obstáculos que inclinam o veículo em até 30 graus, além das grandes inclinações das subidas e descidas.
Este momento é considerado o ápice da visita ao museu. Além deste passeio dirigindo o Unimog, é possível realizar um curso de treinamento para motoristas, permitindo que o visitante dirija o Unimog ao lado de um instrutor em uma pista especial que “desafia” o condutor. No final do curso, os participantes recebem o certificado do “Treinamento do Motorista Unimog”.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Ford Fund doa 9.000 máscaras para comunidades de São Paulo em projeto que gera renda para costureiras

Em parceira com a Aldeias Infantis SOS Brasil, a iniciativa faz parte do projeto Costura S…