A Volkswagen está reposicionando no mercado brasileiro os preços dos modelos CC e Touareg, que agora contam com uma relação custo-benefício ainda mais atraente e passam a ser comercializados com preços até R$ 40 mil menores.
 
A versão V8 do Touareg, que é equipada com o motor 4.2 FSI de 360 cv e transmissão automática de oito marchas, passa a ser comercializada a partir de R$ 267.990, abatimento no preço sugerido de R$ 40.200 (13%).
 
No Touareg V6, que traz o propulsor 3.6 FSI de 280 cv e transmissão automática de oito marchas, a redução na tabela de preços foi na ordem de 13% (R$ 33.150), fazendo com que o valor de tabela do modelo comece em R$ 220.990.
 
Com esses novos preços, a linha Touareg volta a ter o mesmo valor de tabela de junho de 2011, quando foi lançada a segunda geração do modelo no Brasil, que reinterpretou o conceito de utilitário esportivo de alto padrão, ao trazer novas linhas, mais dinâmicas e elegantes, nova estrutura, mais robusta e simultaneamente mais leve, e um impressionante conjunto de sistemas de segurança de última geração.
 
\"\"
 
Entre as exclusividades oferecidas pelo Touareg nos segmentos em que atua está o “Area View”. Essa tecnologia permite uma visão abrangente de 360 graus em torno do carro, como se o observador estivesse posicionado no topo do veículo. Recurso muito útil para manobras.
 
Outro diferencial à disposição do cliente do Touareg é o Side Assist, no qual dois sensores por radar posicionados na traseira do Touareg monitoram a aproximação de outros veículos em ângulos cegos. Quando isso ocorre, o motorista é alertado por LEDs piscantes posicionados nos espelhos retrovisores externos.
 
Para auxiliar no estacionamento, o Touareg conta com o Rear Assist, dotado de sensores e de uma câmera posicionada na traseira. As imagens captadas são exibidas na tela de LCD do rádio, juntamente com linhas guias mostrando a vaga disponível e a direção que o carro irá tomar, de acordo com o posicionamento do volante.
 
Entre os opcionais disponíveis para o Touareg destaca-se o ACC (Adaptive Cruise Control – controlador automático de velocidade e distância), que oferece um importante auxílio ao motorista, acelerando e desacelerando o automóvel dependendo do fluxo de tráfego detectado pelo radar frontal. Caso o veículo à frente pare, o ACC freia o Touareg até a imobilidade. Caso não haja tráfego, o ACC mantém a velocidade e a distância em relação ao veículo à frente selecionadas pelo motorista.
 
\"\"
 
Já o CC, único cupê de quatro portas que a Volkswagen oferece no Brasil, passa a ter preço sugerido de R$ 184.990, redução de R$ 23.150 (11%). Com esse reposicionamento de preços, o CC passa a ser comercializado com preço sugerido semelhante ao praticado em 2009, quando o  modelo chegou ao Brasil.
 
O CC é atualmente o Volkswagen mais rápido do Brasil. Equipado de série com a tração 4MOTION, ele é o único veículo da marca no País que associa o motor V6 3.6 FSI com 300 cv à transmissão automática DSG de dupla embreagem. Resultado: acelera de 0 a 100 km/h em apenas 5,5 segundos.
 
O Detector de fadiga, que é de série no CC, detecta a perda de concentração do motorista e o avisa com um sinal acústico de cinco segundos. Uma mensagem visual também aparece no painel de instrumentos, recomendando que o condutor faça uma parada para descanso. Se o motorista não parar dentro dos próximos 15 minutos, o aviso é repetido. Logo no início de cada viagem, o sistema analisa o comportamento individual do motorista ao volante. O sistema de detecção de fadiga então passa a avaliar continuamente vários sinais, como o ângulo de esterço do volante. Se os dados do monitoramento indicarem um desvio do comportamento registrado no início da viagem, são acionados os sinais sonoro e visual. Independentemente do monitoramento, sempre que o sistema é ativado recomenda ao motorista um intervalo para descansar após quatro horas contínuas de direção.
 
Já o Easy Open, item oferecido também de serie juntamente com o sistema Keyless Access (sistema automático de fechamento das portas e partida do motor por botão), permite que, com um movimento do pé sob o para-choque traseiro, acione a abertura da tampa do bagageiro. A interface entre o homem e a máquina é feita por um sensor de proximidade na área do para-choque, capaz de reconhecer uma rápida movimentação da perna. Obviamente, o porta-malas só é aberto para quem estiver levando a chave correta do CC.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Leitor de sinais de trânsito da Ford Ranger 2020 é tecnologia inédita em picapes

O sistema alerta o motorista sobre os limites de velocidade, usando duas câmeras e process…