Home Notícias Equipe Mitsubishi Petrobras disputa etapa do Mundial de Rali neste fim de semana

Equipe Mitsubishi Petrobras disputa etapa do Mundial de Rali neste fim de semana

Comentários desativados em Equipe Mitsubishi Petrobras disputa etapa do Mundial de Rali neste fim de semana

 \"\"

 
A partir desta sexta-feira, dia 18, a Equipe Mitsubishi Petrobras encara o Baja Aragon, na Espanha, uma das mais importantes provas do Campeonato Mundial de Rali Cross-country. Com 31 anos de tradição, a competição reúne grandes equipes e os maiores nomes do off-road.
 
"Esse rali será muito importante. Depois dos testes que fizemos na França e no Marrocos, é a vez de colocarmos tudo em prática. Nosso grande objetivo será a continuidade do desenvolvimento do ASX Racing e, desta vez, em condições reais de prova", explica o piloto Guilherme Spinelli.
 
Uma grande novidade é que, ao lado dele, estará o português Paulo Fiuza, que será o navegador de Carlos Sousa a partir do Rally do Marrocos, em outubro. "O Paulo é um excelente navegador, com grande experiência também na parte mecânica. Será mais um grande reforço para nossa equipe", comemora Guiga. Nos testes realizados no mês passado, o navegador não pôde estar presente. "Por isso trouxemos ele para o Baja Aragon. Assim poderá se acostumar com o carro, ter um entrosamento com a Equipe e nos auxiliar no desenvolvimento do ASX Racing", explica Spinelli, que voltará a ter a companhia de seu navegador Youssef Haddad no Rally dos Sertões, em agosto.
 
"Estou muito entusiasmado pelo fato de falarmos a mesma língua mas, acima de tudo, quero agradecer ao Carlos Sousa pelo convite e também ao Guilherme Spinelli pelo voto de confiança que depositou em mim", comemora Fiuza. "Como sempre faço, darei o meu melhor para corresponder às expectativas e tentar ajudar com minha experiência", completa o navegador, que já foi campeão português de rali cross-country, além de ter ficado entre os cinco melhores no Rally Dakar deste ano e vencido diversas etapas do Mundial de Rali.
 
Baja Aragon – Espanha
 
Com mais de 700 quilômetros de especiais, o Baja Aragon tem algumas características bem diferentes dos ralis que a Equipe correu ultimamente. Na sexta-feira, é realizado o prólogo, para definir a ordem de largada. No sábado, duas especiais, uma de manhã, mais curta, e outra à tarde, mais longa. E, no domingo, os pilotos percorrem novamente esses dois trechos.
 
"A prova é pequena em dias, mas acaba se tornando exigente pela alta temperatura do verão europeu, com duas especiais no mesmo dia e um ritmo muito forte por ser um rali curto. E é uma etapa do Mundial, onde as melhores equipes e duplas estarão presentes", afirma Guiga. "Paulo e eu nunca corremos e nem treinamos juntos. Teremos que buscar o entrosamento ao longo do rali", destaca.
 
Evolução constante
 
Com a chegada do piloto português Carlos Sousa, em junho, a Equipe Mitsubishi Petrobras deu continuidade no desenvolvimento do ASX Racing, visando o Rally dos Sertões e o Rally Dakar 2015.
 
"Estamos fazendo o trabalho em duas etapas: em estradas de terra, até o Sertões, depois deserto, até o Dakar. Assim conseguimos buscar as condições ideais do carro para cada grande prova que iremos disputar", explica Guiga. "O Baja Aragon é uma competição muito tradicional e totalmente em estradas de terra, o que contribuirá muito para o aperfeiçoamento do ASX Racing para o Rally dos Sertões", completa Spinelli.
 
\"\"
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Equipe Mitsubishi Petrobras disputa etapa do Mundial de Rali neste fim de semana

Comentários desativados em Equipe Mitsubishi Petrobras disputa etapa do Mundial de Rali neste fim de semana

 \"\"

 
A partir desta sexta-feira, dia 18, a Equipe Mitsubishi Petrobras encara o Baja Aragon, na Espanha, uma das mais importantes provas do Campeonato Mundial de Rali Cross-country. Com 31 anos de tradição, a competição reúne grandes equipes e os maiores nomes do off-road.
 
"Esse rali será muito importante. Depois dos testes que fizemos na França e no Marrocos, é a vez de colocarmos tudo em prática. Nosso grande objetivo será a continuidade do desenvolvimento do ASX Racing e, desta vez, em condições reais de prova", explica o piloto Guilherme Spinelli.
 
Uma grande novidade é que, ao lado dele, estará o português Paulo Fiuza, que será o navegador de Carlos Sousa a partir do Rally do Marrocos, em outubro. "O Paulo é um excelente navegador, com grande experiência também na parte mecânica. Será mais um grande reforço para nossa equipe", comemora Guiga. Nos testes realizados no mês passado, o navegador não pôde estar presente. "Por isso trouxemos ele para o Baja Aragon. Assim poderá se acostumar com o carro, ter um entrosamento com a Equipe e nos auxiliar no desenvolvimento do ASX Racing", explica Spinelli, que voltará a ter a companhia de seu navegador Youssef Haddad no Rally dos Sertões, em agosto.
 
"Estou muito entusiasmado pelo fato de falarmos a mesma língua mas, acima de tudo, quero agradecer ao Carlos Sousa pelo convite e também ao Guilherme Spinelli pelo voto de confiança que depositou em mim", comemora Fiuza. "Como sempre faço, darei o meu melhor para corresponder às expectativas e tentar ajudar com minha experiência", completa o navegador, que já foi campeão português de rali cross-country, além de ter ficado entre os cinco melhores no Rally Dakar deste ano e vencido diversas etapas do Mundial de Rali.
 
Baja Aragon – Espanha
 
Com mais de 700 quilômetros de especiais, o Baja Aragon tem algumas características bem diferentes dos ralis que a Equipe correu ultimamente. Na sexta-feira, é realizado o prólogo, para definir a ordem de largada. No sábado, duas especiais, uma de manhã, mais curta, e outra à tarde, mais longa. E, no domingo, os pilotos percorrem novamente esses dois trechos.
 
"A prova é pequena em dias, mas acaba se tornando exigente pela alta temperatura do verão europeu, com duas especiais no mesmo dia e um ritmo muito forte por ser um rali curto. E é uma etapa do Mundial, onde as melhores equipes e duplas estarão presentes", afirma Guiga. "Paulo e eu nunca corremos e nem treinamos juntos. Teremos que buscar o entrosamento ao longo do rali", destaca.
 
Evolução constante
 
Com a chegada do piloto português Carlos Sousa, em junho, a Equipe Mitsubishi Petrobras deu continuidade no desenvolvimento do ASX Racing, visando o Rally dos Sertões e o Rally Dakar 2015.
 
"Estamos fazendo o trabalho em duas etapas: em estradas de terra, até o Sertões, depois deserto, até o Dakar. Assim conseguimos buscar as condições ideais do carro para cada grande prova que iremos disputar", explica Guiga. "O Baja Aragon é uma competição muito tradicional e totalmente em estradas de terra, o que contribuirá muito para o aperfeiçoamento do ASX Racing para o Rally dos Sertões", completa Spinelli.
 
\"\"
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Stellantis registra forte receita líquida do primeiro trimestre e crescimento em todas as regiões

As projeções de desempenho global do Grupo para o ano estão mantidas, com projeção de expa…