O Novo Jetta começa a chegar às mais de 600 concessionárias Volkswagen no País com excelente relação custo-benefício. O modelo 2015 de um dos sedãs mais vendidos no mundo (o Jetta acumula mais de 14 milhões de unidades comercializadas desde 1979) marca a estreia da versão Trendline, com preço sugerido a partir de R$ 69.990, atendendo a uma demanda do mercado e aumentando a gama de configurações do sedã médio. O Novo Jetta também é comercializado nas versões Comfortline e Highline.
Entre as características que tornaram o Jetta um dos carros mais admirados e desejados sempre se destacou seu comportamento dinâmico. Todas as versões do modelo 2015 utilizam sistema de suspensão traseira do tipo Multilink, com novas molas e amortecedores, que ganharam calibração específica.
 
O Novo Jetta passa a ser oferecido exclusivamente com transmissão automática de seis marchas. As configurações Trendline e Comfortline são equipadas com o motor 2.0l Total Flex, de até 120 cv, associado à transmissão automática AQ250 Tiptronic (segunda geração) de seis marchas – a mesma que equipa o utilitário esportivo Tiguan.
A versão Highline traz o motor 2.0l TSI, de 211 cv, e a transmissão DSG (DQ250) de seis marchas e dupla embreagem.
Outras novidades são os portfólios diferenciados de rodas de liga leve para cada versão e de cores da carroceria, com destaque para a nova tonalidade metálica “Azul Silk”.
Os designers criaram um novo visual para a dianteira e para a traseira do Novo Jetta (opcionalmente com faróis bixenônio, luz diurna de LED e lanternas traseiras em LEDs para a versão Highline). No interior, o novo modelo traz uma aparência ainda mais sofisticada e confortável, com novo volante e detalhes inéditos de decoração. Por tudo isso, este é o melhor Jetta de todos os tempos.
Highline – Esportividade superior
Topo de linha para o Novo Jetta, a versão Highline traz recursos como direção com assistência elétrica, rádio RCD510 com tela sensível ao toque (touchscreen) de 6,5 polegadas, 8 alto-falantes, entradas auxiliar e USB e conexão Bluetooth, retrovisor interno eletrocrômico, rodas exclusivas “Lancaster” de 17 polegadas, entre outros.
O Novo Jetta Highline também é equipado com seis airbags – dois dianteiros, dois laterais para os ocupantes da frente e dois do tipo cortina, que protegem a área das janelas laterais de todo o veículo –, bloqueio do diferencial (EDS) e controle de estabilidade (ESC).
 
É equipado com a nova geração do motor 2.0l TSI, da família EA888. O motor utiliza sistema de injeção direta de combustível, turbocompressor e quatro válvulas por cilindro, com comando de válvulas variável (admissão), gerando uma curva de torque plana a partir de baixas rotações. Ele é uma referência do conceito de downsizing: alto desempenho com baixo consumo de combustível.
Como opcionais, o modelo oferece, além do teto solar panorâmico, dois pacotes de equipamentos: Exclusive e Premium. O primeiro acrescenta ao sedã Volkswagen bancos de couro (com sistema de aquecimento para os dianteiros em duas opções de cores: preto ou bege) e sensores de chuva e de luminosidade.
Trendline – Novidade com excelente custo-benefício
A versão Trendline estreia para o Novo Jetta, trazendo excelente relação custo-benefício. Sua extensa lista de itens de série inclui bancos revestidos em tecido preto, direção com assistência hidráulica, ar-condicionado Climatic, rodas de liga leve “Sedona” de 16 polegadas com pneus 205/55 R16, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro e alarme com comando remoto “keyless”.
Complementam a lista de itens de sério do Novo Jetta Trendline o apoia braço com tomada de 12V adicional e saída de ar-condicionado para o banco traseiro, porta-luvas refrigerado, sistema de som RCD320G (CD Player, entrada USB e conexão Bluetooth), iluminação da placa de licença em LED, volante com ajustes de altura e distância, freios ABS com EBD (distribuição das forças de frenagem), controle de tração (ASR) e quatro airbags: dois frontais e dois laterais.
Comfortline – Requinte e sofisticação
A versão intermediária traz todos os equipamentos da versão Trendline e acrescenta o novo volante global da marca revestido de couro com hastes para troca de marcha (shift paddles) e comandos do computador de bordo e dos sistemas de som e de telefonia, acabamento interno em native (oferecido nas tonalidades preta e bege), rodas de liga-leve de 16” estilo “Atlanta” e controle automático de velocidade de cruzeiro (cruise control). Também é de série o sistema de som RCD 510 com tela colorida de 6,5 polegadas sensível ao toque (touchscreen) e seis alto-falantes.
A versão Comfortline oferece como opcional o teto solar panorâmico e o pacote Exclusive, que conta com sistema de infotainment RNS315 com navegação integrada, sistema Coming & Leaving Home, sensor de chuva, rodas “Queensland” de 17 polegadas e pneus 225/45, sistema Kessy (que permite abertura das portas por aproximação da chave e partida do motor por meio de um botão), ar-condicionado digital Climatronic, entre outros.
 
O ar-condicionado Climatronic possui duas zonas de climatização (para motorista e passageiro) e saída para o banco traseiro, conta com layout semelhante ao do Passat – a temperatura é exibida em mostrador digital.
Carro global, produção nacional
A Volkswagen do Brasil anunciou em 2014 a produção nacional do Novo Jetta, na fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo (SP). A produção nacional do modelo vai complementar a importação atual do México, atendendo à alta demanda do modelo no Brasil. O montante investido para as adequações na linha faz parte dos R$ 10 bilhões que a empresa vai investir no País até 2018.
Depois do up! na fábrica de Taubaté (SP), do anúncio da produção nacional do Novo Golf na fábrica de São José dos Pinhais (PR) e do lançamento da família global de motores EA211, o Novo Jetta será o terceiro modelo mundial a ser produzido no Brasil e demonstra o crescimento sustentável e qualitativo da empresa e sua linha de produtos no Brasil.
A fábrica Anchieta está recebendo nova infraestrutura para a produção do modelo que será iniciada já no primeiro semestre de 2015.
A fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo, foi inaugurada em 18 de novembro de 1959. Foi a primeira da marca fora da Alemanha e já produziu mais de 13 milhões de veículos desde sua inauguração.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Porsche aumenta participação na Rimac Automobili

Fabricante de carros esportivos expande parceria estratégica Sinal verde para a expansão d…