Após a estreia na Fórmula 3 europeia em Silverstone, Pietro Fittipaldi segue confiante para a próxima etapa da categoria. A primeira fase foi marcada pela pista molhada, com as condições bem distantes da perfeição. Porém, após o clima ter dado uma trégua e já com a pista seca, Pietro aumentou a pressão frente aos seus adversários. O jovem piloto conquistou seus primeiros quatro pontos, superando seus companheiros de equipe na Fortec Motorsports.
 
A próxima corrida será em Hockenheim, na Alemanha. No dia 30/04, serão realizados os treinos livres e a qualificação para a primeira prova. Em 01/05, serão as classificações para as duas corridas restantes e, à tarde, a primeira corrida. As duas corridas restantes serão nos dias 02 e 03/05, com duração de 35 minutos cada uma. Todas as corridas serão transmitidas pela TV em 200 países e via live streaming no site  http://www.fiaf3europe.com/en/livestream/index.html.
 
 
“É ótimo correr em um nível mais alto. Nossa meta é chegar entre os três melhores do campeonato. Não será nada fácil, pois são 36 pilotos muito competitivos. Qualquer erro, um décimo perdido, já é o suficiente para cair no grid de largada. Temos muito trabalho pela frente para alcançar os pilotos mais experientes”, completa Pietro Fittipaldi, ansioso para a etapa de Hockenheim.
 
Com 36 pilotos de 17 países do mundo inteiro, Pietro Fittipaldi, neto do bicampeão Emerson Fittipaldi, segue na disputa das 11 etapas do FIA F3 European Championship. O campeonato conta com a presença de outro brasileiro, o mineiro Sérgio Sette Câmara, da equipe Motopark.
 
Correndo pela Fortec Motorsport ao lado dos companheiros de equipe Matthew Rao, Hongwei Cao e Zhi Cong Li, a equipe é dominante em categorias monoposto júnior e, frequentemente, vem ocupando o top 3 nos seis campeonatos em que está presente. A Fórmula 3 é considerada o campeonato mais competitivo nas categorias de monoposto júnior, além de atrair pilotos talentosos do mundo todo e oferece Pietro a chance de obter pontos para sua “Superlicense” – um pré-requisito para entrar na F1.
 
PIETRO FITTIPALDI
 
Neto de Emerson Fittipaldi, com apenas 18 anos, Pietro Fittipaldi está cada vez mais perto da Fórmula 1, categoria de elite do automobilismo. Correndo pela equipe Fortec Motorsport na Fórmula 3, o jovem piloto disputará 33 corridas em dez circuitos na temporada de 2015. Considerado o campeonato mais competitivo nas categorias de monoposto júnior, atrai pilotos talentosos do mundo todo e oferece Pietro a chance de obter pontos para sua “Superlicense” – um pré-requisito para entrar na Fórmula 1.
 
 
Carregando a responsabilidade e grandiosidade do sobrenome Fittipaldi, Pietro iniciou sua jornada de sucesso com apenas sete anos de idade. Tornou-se um dos talentos mais brilhantes e promissores na categoria de base júnior do kart americano, no qual foi tricampeão. Com apenas 15 anos de idade, Pietro tornou-se o primeiro campeão latino-americano de NASCAR na categoria Limited Late Model da Stock Car americana. Em 2013, Pietro Fittipaldi correu pela Fórmula 4 BRDC, somando quatro pódios e uma vitória, e pela BARC Fórmula Renault, com um pódio. No ano seguinte, dominou a categoria Formula Renault Protyre Britânica, com dez vitórias em 15 corridas, sendo consagrado campeão do campeonato Inglês antecipadamente.
 
Agora, Pietro segue com o desafio da F-3 pela frente, que surgiu no início dos anos 50 e tornou-se, através do tempo, um caminho essencial no automobilismo e um trampolim para a F-1. Diversos campeões foram revelados na Fórmula 3, como Nelson Piquet, Alain Prost, Nigel Mansell, Mika Häkkinen, Michaël Schumacher, Damon Hill, Jacques Villeneuve, Lewis Hamilton, Jenson Button e Sebastian Vettel.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

GM apresenta sua primeira picape 100% elétrica

HUMMER EV conta com potência estimada de 1.000 cv, baterias Ultium com autonomia superior …