O prefeito Firmino Filho lançou, na manhã de segunda-feira (9), uma maratona digital para a criação de aplicativos na área de trânsito e transporte público. É o I Hackaton Strans Inthegra – Mobilidade Urbana, que deve acontecer nos dias 20 e 21 de maio.
  
Na solenidade o prefeito ressaltou que o sistema de transportes públicos da capital está passando por grandes mudanças e que os novos aplicativos devem melhorar ainda mais o serviço. “Com essa maratona digital, buscamos soluções de trânsito inovadoras para a capital, valorizando a produção local e ainda oferecendo oportunidade para os nossos jovens”, disse.
 
Firmino ressaltou ainda que a prefeitura está oferecendo total apoio para essa iniciativa, pois reconhece que será mais um instrumento para proporcionar mais qualidade de vida para os usuários. “A mudanças são muitas. Até o final de junho, por exemplo, iremos entregar os dois terminais de integração da zona Sudeste. A nossa ideia é oferecer mais conforto para a população que usa o sistema de transportes públicos na nossa cidade”, destacou.
 
As inscrições para o I Hackaton Strans Inthegra poderão ser feitas a partir de terça-feira (10) na página do Teresina Digital e no facebook do Interage. Quem preferir, também poderá se inscrever na sede da Semest (Secretaria Municipal de Economia Solidária), na Avenida Campos Sales.
 
Na solenidade, também foi lançada a API dos ônibus, uma ferramenta que informa a posição em tempo real de cada ônibus da frota urbana de Teresina. “A partir dessa API, é que os programadores inscritos na I Hackaton Strans Inthegra poderão desenvolver os aplicativos”, explica o gerente de Planejamento da Strans, Vinícius Rufino.
 
Vinícius esclarece que um dos aplicativos já utilizados em Teresina na área de transporte é o Moovit, que passou por uma melhor qualificação de dados e agora está oferecendo um serviço com mais precisão. “Esse aplicativo já é usado há cerca de um ano, mas era baseado no quadro de horários das linhas. Agora, está mais preciso e tem como base a posição real dos ônibus”.
 
Para o representante do Moovit no Brasil, Pedro Palhares, a disponibilidade dos dados é muito importante para que as pessoas possam ter acesso em tempo real ao serviço de transporte público da cidade. “Parabenizamos a prefeitura de Teresina por nos disponibilizar os dados com tanta clareza. Teremos o trabalho de Teresina como prioridade e esperamos poder oferecer o serviço completo o mais rápido possível”.
 
Ele destaca que Teresina será a primeira capital do nordeste a ter esse tipo de aplicativo à disposição dos usuários. Em todo o Brasil somente São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Goiânia já utilizam este serviço.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Mercedes-Benz do Brasil é premiada por iniciativas de diversidade

Seguindo estratégia global da Daimler, Companhia valoriza as diferenças e fortalece a cult…