A primeira edição do Prêmio Carpress já tem os vencedores em suas 12 categorias. Exatamente um ano após o site Carpress anunciar a intenção de organizar uma premiação própria, o Volkswagen novo Polo é anunciado como o vencedor do Grande Prêmio Carpress 2017.
O Polo também venceu na categoria Melhor Carro (até R$ 109.999), tendo sido finalista ao lado de Fiat Argo e Renault Kwid. Na categoria Melhor Carro Premium (a partir de R$ 110 mil), o vencedor foi o Audi A5 Sportback, que foi à final com Citroën C4 Picasso e Chevrolet Camaro SS.
Na categoria Melhor SUV, o ganhador foi o Chevrolet Equinox, finalista ao lado de Peugeot 3008 e Volvo XC60. Na categoria Melhor Picape, venceu a Nissan Frontier, que disputou com Mitsubishi L200 Triton Sport e Toyota Hilux Challenge.
Não foram premiados apenas veículos que continuam nas concessionárias, mas também os que estão deixando de ser vendidos – o Destaque Saudade foi o Volkswagen Fusca.
Também foram lembradas as boas práticas corporativas. Daí nasceu a ideia do Destaque Eficiência Energética, que ficou com a iniciativa da Toyota Hybrid House, um estande de 100 m² com atrações interativas em que era possível, por exemplo, conhecer o Prius, veículo híbrido mais vendido no mundo.
Investimentos em tecnologia também chamaram a atenção do júri do Prêmio Carpress. O destaque eleito foi a Estratégia Modular MQB, da Volkswagen, que marca uma nova era para veículos compactos, dando origem a quatro modelos completamente novos no mercado brasileiro, a começar pelo novo Polo e pelo sedã compacto Virtus, na fábrica Anchieta.
Os jurados também foram convidados a votar na categoria Melhor Comercial/Melhor Campanha Publicitária (TV/Web), e a marca que levou o título para casa foi a Renault, com o filme “Heróis”, do Renault Kwid, modelo que foi lançado no início de agosto (o filme pode ser visto aqui: www.youtube.com/watch?v=s0WbyDqgcvc).
Aliás, foi da Renault o único voto unânime dos jurados, na categoria Melhor Ação de Vendas, com a pré-venda do Kwid, em que era possível dar um sinal de R$ 1.000 parcelável em três vezes no cartão de crédito para garantir prioridade na compra do modelo.
Curiosamente um ex-Renault (onde era vice-presidente comercial desde 2010) foi eleito Executivo do Ano: Gustavo Schmidt, vice-presidente de Vendas e Marketing da Volkswagen do Brasil, cargo que ocupa desde março de 2017.
O Carpress reservou ainda um espaço para o “voto direto”. Por meio da ferramenta de enquete do site, manteve por cinco dias uma votação on-line entre os nove finalistas nas categorias Melhor Carro (Fiat Argo, Renault Kwid e Volkswagen Polo), Melhor Carro Premium (Audi A5 Sportback, Citroën C4 Picasso e Chevrolet Camaro SS) e Melhor SUV (Peugeot 3008, Chevrolet Equinox e Volvo XC60). O vencedor foi o Peugeot 3008.
Quem votou
Na edição 2017 do Prêmio Carpress, votaram dez especialistas: Luís Perez (publisher do Carpress) e Wandick Donett (editor-executivo do Carpress), sendo os dois também designados membros do Comitê Gestor, mais oito jornalistas atuantes no segmento: Alex Ruffo (Speedway e Mega Motor), Antônio Meira Jr. (Correio), Eugênio Augusto Brito (UOL Carros), Flavio Silveira (Motor Show), Giu Brandão (MundoSobreRodas), Jorge Moraes (Auto Motor Nordeste), Marcelo Queiroz (Autopolis) e Ricardo Ribeiro (Agora SP), este último sucedido a partir de agosto por Fernando Pedroso, do mesmo veículo, em razão do desligamento de Ribeiro para cursar mestrado no exterior.
Como funcionou a votação
O Comitê Gestor compilou lançamentos de modelos e versões ao longo do ano, no período compreendido entre 1º de dezembro de 2016 e 30 de novembro de 2017. Os jurados foram orientados a só votar em automóveis que dirigiram. Automóveis que não foram avaliados por pelo menos um dos membros do Comitê Gestor tornavam-se automaticamente inelegíveis.
As categorias Melhor Carro, Melhor Carro Premium e Melhor SUV foram realizadas em duas rodadas, com três finalistas. As demais em eleição simples, com indicações feitas a partir de conversas com jurados, assessorias e executivos. O Comitê Gestor se reservou o direito de vetar indicações pouco convincentes.
A inspiração do prêmio
O prêmio foi criado logo após a obtenção do registro de marca do nome Carpress junto ao INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, obtido sete anos após ser requisitado. Antes, o site se chamava Interpress Motor.
Patrocínio
Desde abril de 2017, o Grupo ZF anunciou patrocínio à primeira edição do Prêmio Carpress. Um dos maiores fornecedores do setor automotivo no mundo, o Grupo ZF é líder global em drivelines e tecnologias de chassis, além de segurança ativa e passiva.
A companhia tem aproximadamente 137 mil colaboradores ao redor do mundo em cerca de 230 plantas em 40 países. Em 2016 alcançou vendas de aproximadamente € 35 bilhões e investe anualmente cerca de 5% de seu faturamento em pesquisa e desenvolvimento, garantindo sucesso contínuo por meio do design e engenharia de tecnologias inovadoras.
O regulamento do prêmio prevê desde o início que não seria aceito patrocínio direto de fabricantes de automóveis. Já estão sendo iniciadas conversações com vistas ao patrocínio para o Prêmio Carpress 2018.
Assessorias de imprensa
Foram firmados desde o início bem-sucedidos acordos de “media partner” com as agências Printer Press e Textofinal, que ao longo do ano divulgaram todas as novidades a respeito da premiação.
Prêmio Carpress® 2018
A edição 2017 do Prêmio Carpress foi considerada um sucesso pela organização e a edição 2018 já está sendo elaborada.
“Realizar uma primeira edição conjugando sobriedade com seriedade foi uma decisão extremamente acertada, a começar por não realizar evento em dezembro, mês suficientemente assoberbado”, afirma Luís Perez, publisher do Carpress. “Além disso, garantiu austeridade e independência necessárias a um prêmio neófito.”
“Conseguimos reunir um júri de primeiríssimo time e o resultado não poderia ser outro, senão o de um painel que, no final das contas, representa exatamente o que foi o ano de 2017 no mundo automotivo. Fiquei muito feliz com a forma como as coisas transcorreram”, diz Perez. “Quem vê o painel que foi a premiação parece ler a primeira página do jornal do dia em relação àquilo que foi o ano que termina”, complementa Wandick Donett, editor-executivo do Carpress.
OS VENCEDORES, POR CATEGORIA
Grande Prêmio Carpress 2017
Volkswagen Polo
Melhor Carro
Volkswagen Polo
Melhor Carro Premium
Audi A5 Sportback
Melhor SUV
Chevrolet Equinox
Melhor Picape
Nissan Frontier
Destaque Saudade
Volkswagen Fusca
Destaque Eficiência Energética
Toyota Hybrid House
Destaque Tecnologia
Estratégia Modular MQB (Volkswagen)
Melhor Comercial (TV/Web)
“Heróis” – Renault Kwid
Melhor Ação de Vendas
Pré-venda do Renault Kwid
Executivo do Ano
Gustavo Schmidt
Vice-Presidente de Vendas e Marketing da Volkswagen do Brasil
Melhor Carro Escolha da Audiência
Peugeot 3008
PREMIAÇÕES POR FABRICANTES
Volkswagen: 5
Renault: 2
Audi: 1
Chevrolet: 1
Nissan: 1
Peugeot: 1
Toyota: 1
 
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Você sabe qual a melhor maneira de transportar seu cachorro em viagens?

*Por René Rodrigues Júnior Dezembro é o mês das festas, das confraternizações, do verão e …