Em meio à desaceleração econômica pela qual passa o Brasil, as vendas do seguro Proteção Financeira do Banco Volkswagen, maior instituição de montadora do país segundo ranking do Banco Central, cresceram 8,5% até abril de 2015, frente ao mesmo período do ano passado.
 
No entanto, a curva de aumento começa a ser verificada a partir do segundo semestre de 2014, e coincide com os primeiros índices de retração registrados. De acordo com Fernanda Gonik, gestora de Produtos em Seguros da instituição, os dois fatores estão conectados devido às características do produto. “Cenários de instabilidade incentivam a aquisição da cobertura, já que o consumidor fica mais temeroso quanto à situação futura.”
 
O proteção financeira garante o pagamento total ou parcial de um financiamento, seja ele CDC (Crédito Direto ao Consumidor) ou Leasing. Se algum imprevisto ocorrer durante a vigência do contrato, o seguro arca com as parcelas, o que traz mais segurança ao cliente. “Desemprego involuntário, incapacidade física permanente, invalidez por acidente e morte são algumas das situações contempladas”, explica.
 
O avanço não foi apenas em termos absolutos. As apólices também obtiveram maior participação nos produtos do Banco Volkswagen. Em 2014, a instituição comercializou, em média, 32 seguros a cada 100 financiamentos realizados. Neste ano, até o mês passado, a proporção é de 37 para 100. “Em contextos de maior aperto, a população torna-se mais cautelosa ao assumir gastos. Contar com uma garantia de que a dívida será quitada traz mais tranquilidade no momento de adquirir o crédito automotivo”, avalia a executiva.
 
O Proteção Financeira do Banco Volkswagen é garantido pela BNP Paribas Cardif do Brasil, braço de seguros do BNP Paribas.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Novo DAF XF ganha cor laranja e amplia opção de customização do modelo

Aurora Orange completa a gama de 13 cores disponíveis para o extrapesado O novo DAF XF, la…