\"\"O Rally dos Sertões completará, em 2014, sua 22ª edição e mostra que não é por acaso que é conhecido como o maior rali sem fronteiras. Em época de grandes eventos esportivos, o maior de off road do país alcança uma marca histórica. Ao final desta edição, os valentes pilotos e navegadores já terão levantado poeira em 93 cidades brasileiras, superando os mais diversos obstáculos.
 
O trajeto de 2014 contará com sete cidades. Nesta quarta-feira (dia 2), Eduardo Sachs, diretor técnico da Dunas Race, iniciou a conferência do roteiro. A prova terá seu início no dia 24 de agosto no recém reformado autódromo de Goiânia (GO), partindo para Caldas Novas, cidade que está pela terceira vez no evento. Em seguida, os pilotos irão para as três cidades estreantes desse ano, Catalão, em Goiás, Paracatu e São Francisco, no estado mineiro. De São Francisco a caravana parte para Diamantina, cidade que participa pela quinta vez do rali. Após esta etapa, os competidores seguem rumo à linha de chegada, que será no dia 30 de agosto na capital mineira, Belo Horizonte.
 
Em 22 anos, o Rally dos Sertões já passou por 14 estados, sendo eles Goiás, Mato Grosso, Tocantins, Pará, Piauí, Maranhão, Rio Grande do Norte, Ceará, Pernambuco, Bahia, Sergipe, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, além do Distrito Federal. Goiânia é cidade que mais esteve no roteiro do rali: em 2014 completa 13 participações, sendo que doze delas foram largadas.
 
O Sertões também traz em seu DNA o pioneirismo em "desbravar" regiões ainda pouco exploradas neste enorme Brasil, contribuindo para o seu crescimento. É o caso do Jalapão, hoje em dia já um ponto turístico, mas que foi "descoberto" pelo rali, que mostrou ao mundo suas belas paisagens, com rios banhando um ambiente árido e uma fauna diversificada. O Sertões também move a economia das cidades por onde passa, mexendo com toda a cadeia produtiva, passando por restaurantes, hotéis e o comércio local. O que torna esse turismo "off-road" mais uma forma da população local gerar renda.
 
Ao longo destes anos, o Rally dos Sertões tornou-se o principal evento off road do país e esteve presente nas mais belas paisagens. Com muitos obstáculos, os pilotos foram se superando a cada etapa e, em 2014, os competidores continuarão a ter desafios para vencerem e ultrapassarem a linha de chegada, após quase 2700 quilômetros.
 
\"\"
 
Veja todas as cidades por onde o rali já passou (em negrito as estreantes deste ano):
Alfenas (MG), Alto Paraíso de Goiás (GO), Alto Parnaíba (MA), Aracajú (SE) Araguaína (TO), Aruanã (GO), Bacabal (MA), Balsas (MA), Barra (BA), Barra do Corda (MA), Barreiras (BA), Barreirinhas (MA), Belo Horizonte (MG), Bom Jesus (da Gurgueia) (PI), Bom Jesus da Lapa (BA), Brasília (DF), Brumado (BA), Caicó (RN), Caldas Novas (GO), Campos do Jordão (SP), Cândido Sales (BA), Carolina (TO), Cássia (MG), Catalão (GO), Cavalcante (GO), Colinas do Tocantins (TO), Corrente (BA), Cratéus (CE), Diamantina (MG), Dianópolis (TO), Floriano (PI), Fortaleza (CE), Franca (SP), Garanhuns (PE), Goianésia (GO), Goiânia (GO), Gurupi (TO), Iguatú (CE), Imperatriz (MA), Itajubá (MG), Januária (MG), Juazeiro (BA), Juazeiro do Norte (CE), Juíz de Fora (MG), Lençóis (BA), Lizarda (TO), Luiz Eduardo Magalhães (BA), Minaçu (GO), Montes Claros (MG), Mossoró (CE), Natal (RN), Natividade (TO), Niquelândia (GO), Ouro Preto (MG), Padre Bernardo (GO), Palmas (TO), Paracatu (MG), Paranã (TO), Parnaíba (PI), Patos de Minas (MG), Petrolina (PE), Petrópolis (RJ), Pirapora (MG), Pirenópolis (GO), Ponte Alta do Tocantins (TO), Porangatu (GO), Porto de Galinhas (PE), Porto Nacional (TO), Porto Seguro (BA), Quixadá (CE), Salvador (BA), Santa Helena/Rio Verde (GO), Santana do Araguaia (PA), São Félix do Araguaia (MT), São Félix do Jalapão (TO), São Félix do Tocantins (TO), São Francisco (MG), São José dos Campos (SP), São Luís (MA), São Paulo (SP), São Raimundo Nonato (PI), Seabra (BA), Senhor do Bonfim (BA), Serra Talhada (PE), Sobral (CE), Taiobeiras (MG), Teresina (PI), Ubajara (CE), Uberlândia (MG), Unaí (MG), Uruaçu (GO), Varginha (MG), Xique-Xique (BA).
 
A programação do Rally dos Sertões 2014:
 
23/08 – Prólogo – Goiânia (GO)
 
24/08 – 1ª etapa – Goiânia (GO)/Caldas Novas (GO)
Deslocamento inicial: 40 km
Trecho especial: 155 km
Deslocamento final: 21 km
Total do dia: 216 km
 
25/08 – 2ª etapa – Caldas Novas (GO)/Catalão (GO)
Deslocamento inicial: 39 km
Trecho especial: 201 km
Deslocamento final: 20 km
Total do dia: 260 km
 
26/08 – 3ª etapa – Catalão (GO)/Paracatu (MG)
Deslocamento inicial: 22 km
Trecho especial: 206 km
Deslocamento final: 132 km
Total do dia: 356 km
 
27/08 – 4ª etapa – Paracatu (MG)/São Francisco (MG)
Deslocamento inicial: 135 km
Trecho especial: 364 km
Deslocamento final: 86 km
Total do dia: 585 km
 
28/08 – 5ª etapa – São Francisco (MG)/Diamantina (MG) – MARATONA
Deslocamento inicial: 223 km
Trecho especial: 413 km
Deslocamento final: 81 km
Total do dia: 718 km
 
29/08 – 6ª etapa – Diamantina (MG)/Diamantina (MG)
Deslocamento inicial: 23 km
Trecho especial: 159 km
Deslocamento final: 30 km
Total do dia: 213 km
 
30/08 – 7ª etapa – Diamantina (MG)/Belo Horizonte (MG)
Deslocamento inicial: 59 km
Trecho especial: 125 km
Deslocamento final: 146 km
Total do dia: 331 km
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Rompimento da coifa compromete a vida útil da junta homocinética

Rasgos e furos na coifa protetora provocam entrada de resíduos na junta homocinética Peça …