Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Fabricada na planta de Puebla, no México, novidade estará disponível nas configurações com cinco e sete lugares – trata-se do primeiro SUV da Volkswagen no Brasil com essa capacidade.

A Volkswagen do Brasil inicia a maior ofensiva de utilitários esportivos da sua história. O Tiguan Allspace é o primeiro de cinco SUVs que serão lançados no mercado brasileiro até 2020. É também o primeiro utilitário esportivo à venda no País desenvolvido sobre a Estratégia Modular MQB, o que possibilitou ao modelo Volkswagen trazer excelente aproveitamento de espaço interno e receber vários recursos de tecnologia e de segurança inéditos no segmento de SUVs premium no Brasil.

Em sua segunda geração, o Tiguan Allspace começa a chegar às concessionárias no fim de maio em três versões de acabamento e com duas opções de motorização TSI, que combinam injeção direta de combustível e sobrealimentação por turbocompressor para entregar alto desempenho, baixo consumo de combustível e prazer ao dirigir. Pela primeira vez na história, o Tiguan Allspace contará com motor 1.4 TSI Total Flex – que pode ser abastecido com gasolina, etanol ou a mistura dos dois combustíveis em qualquer proporção.

O Tiguan Allspace será fabricado na planta de Puebla, no México, e estará disponível nas configurações com cinco e sete lugares – trata-se do primeiro SUV da Volkswagen no Brasil com essa capacidade.

O Tiguan Allspace tem 4.701 mm de comprimento, isto é: 274 mm a mais do que o modelo da primeira geração. A largura é de 1.839 mm (+ 30 mm) e a distância entre-eixos é de 2.790 (acréscimo de 185 mm). Trata-se da maior distância entre-eixos da categoria. A altura agora é de 1.658 mm (menos 7 mm). As medidas são as mesmas em todas as versões.

Na lateral, destaque para a linha única e definidora que acentua o design da janela, que se ergue atrás da coluna “C”. No mercado brasileiro, o Tiguan Allspace contará com três opções de rodas de liga leve (17”, 18” e 19”), oferecidas de acordo com a versão de acabamento. Todas com visual inédito e desenvolvidas tendo como premissas esportividade e requinte.

Na parte traseira a lógica nas linhas é ainda mais evidente. As lanternas trapezoidais começam nas laterais e terminam na tampa traseira, seguindo a forma das saídas de escape. Os retrorrefletores ficam posicionados de maneira estratégica, na mesma linha das lanternas e do escapamento. Toda a iluminação da parte de trás é em LEDs (diodos emissores de luz), em todas as versões.

O interior do Tiguan Allspace reflete em cada detalhe as qualidades desse SUV. Funcional, com vários porta-objetos e itens de comodidade. Inovador, com painel de intrumentos digital e sistema de infotainment estrategicamente inclinado para o motorista. Requintado no acabamento, no encaixe perfeito das peças e na qualidade dos revestimentos e materiais utilizados. Familiar, com ampla modularidade dos bancos, capaz de atender às famílias de vários tamanhos.

Até 1.870 litros de espaço de carga. Simples assim: o Tiguan Allspace pode levar objetos que outros SUV de sua categoria não podem. Além de uma cabine significativamente maior do que a da geração anterior, o Tiguan Allspace impressiona pela modularidade dos bancos. Independentemente da versão ou quantidade de assentos, todos os bancos traseiros podem ser rebatidos individualmente.

O Tiguan Allspace é equipado nas versões 250 TSI e Comfortline 250 TSI com o motor 1.4l TSI Total Flex. Pertencente à família EA211, esse motor é feito na fábrica da Volkswagen em São Carlos (SP). Tem bloco e cabeçote feitos de alumínio, duplo comando de válvulas no cabeçote (variável na admissão; são quatro válvulas por cilindro) e é equipado com injeção direta de combustível e turbocompressor. Esse motor desenvolve potência de 150 cv (etanol e gasolina) a 5.000 rpm. Seu torque máximo, de 250 Nm (25,5 kgfm), surge já a apenas 1.400 rpm e se mantém até 3.500 rpm, independentemente da mistura de combustível.

As versões 250 TSI e Comfortline 250 TSI utilizam a transmissão DQ250, com seis marchas, imersa em óleo, reconhecida pela sua eficiência e durabilidade. Ambas as versões têm o mesmo desempenho: aceleração de 0 a 100 km/h em 9,5 segundos e velocidade máxima de 198 km/h (independentemente do combustível utilizado). Números excelentes para modelos que têm pequena diferença de peso: 1.562 kg (250 TSI com cinco lugares) e 1.598 kg (Comfortline 250 TSI com sete lugares).

A central eletrônica do motor (ECU) traz novos software e hardware. Os pistões e anéis foram redimensionados para os 10 cv extras de potência do motor flexível, que recebeu um catalisador especificamente calibrado para ele. Outras novidades são a guia de válvula que agora tem dupla vedação e a sede de válvulas do cabeçote e as válvulas injetoras com tratamento específico para operar com o combustível de origem vegetal. A sonda lambda passa a ser linear, proporcionando melhor controle na combustão.

O Tiguan Allspace R-Line 350 TSI traz sob o capô o mesmo motor do Golf GTI: 2.0 TSI com potência de 220 cv e 350 Nm (35,7 kgfm) de torque. Da terceira geração da família EA888, esse motor tem 1.984 cm³ de cilindrada e combina injeção direta de combustível ao turbocompressor, o que permite o downsizing (redução da cilindrada, com excelente desempenho), de forma a entregar muito prazer ao dirigir e alta eficiência energética.

O motor traz duplo sistema de injeção (combinando injeção direta – na câmara de combustão – e injeção multiponto – no coletor de admissão). Como o sistema pode escolher o tipo de injeção ideal para cada momento, permite reduzir as emissões em uma ampla gama de utilizações, diminuindo simultaneamente o consumo de combustível.

O Tiguan Allspace R-Line 350 TSI é equipado com a transmissão DSG de sete marchas (DQ500), também imersa em óleo, que oferece a robustez e a esportividade necessárias para trabalhar em harmonia com o motor 2.0 TSI em conjunto com a tração 4MOTION. Esse conjunto mecânico colabora para que o Tiguan Allspace R-Line 350 TSI entregue desempenho de carro esporte – o SUV acelera de 0 a 100 km/h em apenas 6,8 segundos e atinge a velocidade máxima de 223 km/h. Números impressionantes para um utilitário com 1.785 kg.

Todas as versões do Tiguan Allspace são equipadas de série com sistema Discover Media, que permite conectividade avançada com os smartphones por meio do App-Connect (Android Auto, Apple CarPlay e Mirrorlink). Com tela colorida sensível ao toque (touchscreen) de 8 polegadas com sensor de aproximação, oferece ampla interatividade, com várias opções de informação e entretenimento, além de visual moderno e tecnológico. Permite conexão Bluetooth para até dois celulares e possui três entradas USB – duas na parte dianteira e uma para o banco traseiro.

O Tiguan Allspace será oferecido no Brasil em três configurações bem distintas, variando o tipo de tração, motor, equipamentos e quantidade de assentos. O modelo segue a nova estratégia da Volkswagen de denominação de seus veículos TSI: as siglas ‘250 TSI’ (referente a 250 Nm de torque, gerados pelo motor 1.4 TSI Total Flex) e 350 TSI (referente a 350 Nm de torque, gerados pelo motor 2.0 TSI). Essa nomenclatura é aplicada na tampa traseira do Tiguan Allspace, reforçando os excelentes números de torque.

250 TSI. A versão 250 TSI está disponível com a motorização 1.4 TSI Total Flex com 150 cv e transmissão DSG de 6 marchas. Nesta versão, o Tiguan Allspace tem cinco lugares e tração 4×2 (dianteira).

Com uma leitura mais robusta, o Tiguan Allspace 250 TSI é reconhecido exteriormente por trazer rack de teto e moldura das janelas em preto e rodas de 17” estilo Tulsa, com pneus 215/65 R17. Internamente, o modelo conta com aplicações decorativas em prata titânio, revestimento dos bancos em tecido embossado preto e volante multifuncional revestido de couro.

O Tiguan Allspace 250 TSI traz também de série a segunda geração do sistema Start/Stop, que desliga automaticamente o motor quando o veículo, em desaceleração, atinge velocidade igual ou menor a 7 km/h, economizando combustível. Ao deixar o pedal de freio livre, o sistema aciona o motor automaticamente.

No quesito segurança, o Tiguan Allspace 250 TSI traz seis airbags (dois frontais, dois laterais e dois do tipo cortina), controle eletronico de estabilidade (ESC), controle de tração, freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem (EBD), detector de fadiga, indicador de perda de pressão dos pneus, faróis de neblina com a função cornering lights, sistema ISOFIX com top tether para fixação de cadeirinhas de criança, entre outros. Como opcional, o Tiguan Allspace 250 TSI conta o teto solar panorâmico – este, por sinal, opcional livre para todas as versões.

Comfortline 250 TSI. Versão intermediária, o Tiguan Allspace Comfortline 250 cv traz o mesmo conjunto mecânico 1.4 TSI Total Flex com 150 cv, tração 4×2 e transmissão DSG de seis marchas de série, mas passa a contar com vários outros equipamentos de tecnologia.

Com uma proposta ainda mais sofisticada, essa configuração traz vários elementos cromados, como a parte superior do farol, barra de teto, a grade frontal, frisos laterais, contorno das janelas e as molduras das saídas de escapamento. Os faróis são em LED e têm luzes diurnas de condução (DLR) também em LED. Rodas de liga leve estilo “Kingston” de 18 polegadas (pneus 235/55 R18) complementam o conjunto externo.

A cabine do Tiguan Allspace Comfortline 250 TSI esbanja requinte, sem abrir mão da funcionalidade. Com sete assentos de série, o modelo traz aplicações decorativas acinzentadas e revestimento dos bancos de couro (os dianteiros são aquecíveis).

R-Line 350 TSI: Esportividade e exclusividade tamanho família

A segunda geração do Tiguan marca o retorno da grife R-Line 350 ao segmento. A Volkswagen R, divisão de preparação esportiva da marca, desenvolve versões e pacotes esportivos, atendendo à crescente demanda do público por carros aprimorados pela própria Volkswagen. Os desejos desses consumidores específicos variam bastante, indo de uma aparência externa mais esportiva a um interior exclusivo. Muitos também desejam um automóvel cuja motorização e demais componentes mecânicos ofereçam desempenho ainda mais esportivo.

Nesse contexto, o Tiguan Allspace R-Line 350 TSI chega ao mercado brasileiro para romper os paradigmas de desempenho, design e tecnologia de seu segmento. Equipado com motor 2.0 TSI com 220 cv, transmissão DSG de 7 marchas e tração 4MOTION, o modelo exala esportividade, tanto em dirigibilidade como em aparência.

Exterior inconfundível. O Tiguan Allspace R-Line 350 TSI traz para-choque dianteiro exclusivo, com um grande elemento central em preto brilhante, e entradas de ar ainda maiores. Um friso cromado na parte inferior conecta os faróis de neblina. E mais: faróis em LED com DLA (assitente dinâmico de farol) criam uma assinatura noturna exclusiva para a versão topo de linha.

A esportividade segue na parte traseira, com para-choque de estilo diferenciado. Na parte inferior, destaque para o elemento em preto brilhante, que realça o contorno cromado das saídas de escape. O aerofólio também traz acabamento em preto brilhante. O logotipo “R-Line” aparece na grade frontal e nos para-lamas dianteiros.

Interior único. A cabine do Tiguan Allspace R-Line 350 TSI tem ambientação toda em preto. Colunas, teto, tapecaria e bancos: toda a ornamentação é escura, com foco na esportividade. O volante multifuncional tem design exclusivo (com a base reta, couro perfurado e logo R-Line). Bancos com revestimento de couro Vienna preto com o logotipo alusivo à versão complementam o conjunto.

O Tiguan Allspace terá três anos de garantia total e será oferecida em cinco cores: uma sólida (Branco Puro), três metálicas (Vermelho Ruby, Prata Snow e Cinza Platinum) e uma perolizada (Preto Mystic).

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Ford lança óleo semissintético para o mercado de reparação independente

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.A Omnicraft, linha de peças autom…