A Toyota revelou em Las Vegas a quarta geração de seu veículo híbrido Prius, modelo que redefine a expectativa do mercado sobre carros híbridos, estabelecendo novos padrões de estilo e prazer ao dirigir.
O Prius chegou ao mercado em 1997 como o primeiro veículo híbrido de produção em larga escala do mundo. Ao oferecer excelente desempenho ambiental em um pacote acessível, mudou percepções e o status dos carros movidos a energia alternativa de coadjuvantes a protagonistas em um mercado em constante evolução.
Devido ao pioneirismo de modelos como o Prius, hoje, clientes em todo o mundo consideram a eficiência energética de um automóvel como fundamental. Em resposta a esta tendência, a Toyota trabalhou para garantir que a quarta geração do Prius fosse marcada, não só por ser mais favorável ao meio ambiente, mas também por possuir um design elegante e em conformidade com o prazer que o motorista tem ao dirigi-lo. Além disso, como primeiro carro da marca a ser montado sobre a Nova Arquitetura Global da Toyota (TNGA, em inglês), o novo Prius conta com uma nova e mais rígida plataforma, combinada a um baixo centro de gravidade e novas suspensões, dando um toque mais refinado à sua condução.
Design
 
 
Além dos predicados que o tornam um carro amigo do meio ambiente, ao manter propulsão elétrica como alternativa à combustão, o Novo Prius desfila novíssimo design, com linhas que remetem à elegância, garantindo uma presença marcante.
O modelo herda a silhueta com assinatura triangular, que, combinada ao baixo centro de gravidade, resulta em um veículo com aspectos angulares de linhas acentuadas. Suas curvas fluem e se misturam aos cortes agressivos nas laterais, refletindo de forma viva seu estilo sob qualquer ângulo de visão.
O teto foi reduzido em 20 mm e foi movido um pouco mais para a frente, enquanto o capô também foi rebaixado, deixando o Prius ainda mais elegante. As mudanças foram realizadas sem que o modelo perdesse espaço interno.
Os novos faróis minimizam a área frontal do Prius e garantem, ao mesmo tempo, uma potente iluminação, dando contornos e caráter distinto ao veículo. Na traseira, as lanternas combinam formas ousadas e originais, enaltecendo a personalidade do Prius, desde o spoiler traseiro, até as linhas laterais.
“O novo Prius é muito mais do que apenas um veículo híbrido amigo do meio ambiente. Seu visual é muito atraente, devido, principalmente, à sua nova plataforma, que confere um aspecto esportivo ao carro”, afirma Kouji Toyoshima, engenheiro chefe do modelo.
Interior
 
O Novo Prius adota tecnologia avançada em seu interior, complementada por características funcionais em sua utilização, além de ser mais interativo, sem deixar de considerar, no entanto, um impacto visual agradável e transmitir total conforto aos ocupantes.
O painel de instrumentos proporciona a sensação de qualidade e espaço amplo por deter camadas que definem de maneira clara sua zona de exibição, separando-a da zona de controle, localizada mais próxima ao motorista. Ornamentação em branco, utilizadas nas partes mais baixas da cabine, evoca a sensação de porcelana fina.
TNGA
A fim de promover melhorias significativas em performance e design, a Toyota está implementando a Nova Arquitetura Global da Toyota (TNGA), programa integrado criado pela empresa para desenvolvimento de componentes de motor e plataformas de veículos a ser utilizado pela marca em todo o mundo, com objetivo e compromisso de construir, cada vez mais, automóveis melhores para os consumidores.
A nova geração do Prius é fruto deste novo modelo de construção da Toyota, ao receber uma plataforma inteiramente nova. O resultado foi uma melhora significativa na condução, segurança e prazer ao dirigir.
 
O chassi do Novo Prius é 60% mais rígido, enquanto o posicionamento mais baixo do motor, aliado ao centro de gravidade baixo, concederam ao carro maior estabilidade e conforto.
Avanços no sistema híbrido
Praticamente todos os componentes internos do motor do Prius foram renovados ou revistos de forma substancial, a fim de que o modelo atingisse os mais elevados índices de qualidade.
O Prius teve reduções de peso nos principais componentes, conseguindo maior desempenho de seu sistema híbrido. Como resultado, estabeleceu nova marca ao atingir mais de 40% de eficiência térmica e uma fantástica economia de combustível.
Dinâmica de condução e segurança
O Novo Prius é 60 mm mais longo, 15 mm mais largo e 20 mm mais baixo em comparação à geração anterior. Com essas medidas, apresenta-se de forma ainda mais marcante nas ruas, além de entregar mais espaços para ocupantes e acomodação de bagagem.
Com baixo centro de gravidade, nova frente e pacote de suspensão, o veículo passa a oferecer uma experiência de direção aprimorada. A altura do emblema na parte frontal do Prius é exatamente a mesma do modelo 86, carro esportivo da Toyota, o que indica um posicionamento acertado de altura e de massa.
 
Nova suspensão dianteira e introdução de sistema double wishbone na suspensão traseira garantem o controle perfeito da posição da roda por todo o curso da suspensão, transmitindo maior conexão com a estrada e proporcionando melhor dirigibilidade em qualquer estilo de condução.
A melhoria no chassi, com ganhos em rigidez, torna o Prius ainda mais ágil nas curvas. Mesmo em estradas sinuosas ou terreno urbano, a dirigibilidade do carro oferece total conforto aos ocupantes.
Além de criar uma experiência dinâmica de condução, a plataforma TNGA oferece uma estrutura de quadro de alta resistência, que aumenta a segurança dos ocupantes em caso de colisão. A carroceria mais rígida é projetada para distribuir energia no caso de colisão frontal. Além disso, reforços adicionais foram adotados, a fim de distribuir a energia no caso de uma colisão lateral.
O Novo Prius começará a ser vendido no Japão no fim de 2015 e, posteriormente, chegará a outros mercados ao redor do mundo. 
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Nissan comemora 20 anos de uma história de sucesso no Brasil

Da importação de carros à fabricante nacional de automóveis, marca consolida sua presença …