Home Notícias Emplacamentos de veículos caem 17,62% no 1º semestre de 2015

Emplacamentos de veículos caem 17,62% no 1º semestre de 2015

Comentários desativados em Emplacamentos de veículos caem 17,62% no 1º semestre de 2015
A Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores divulgou o desempenho do setor automotivo no mês de junho e do 1º semestre de 2015.
Para o Setor da Distribuição de Veículos no geral (automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários, máquinas agrícolas e outros, como carretinhas para transporte) o mês de junho apresentou retração de 1,25% em relação a maio (329.650 unidades em junho, contra 333.821 no mês anterior). Na comparação entre os meses de junho 2015 e o mesmo mês de 2014, o setor teve queda de 14,45%.
De acordo com a Fenabrave, no acumulado do ano, houve queda de 17,62% para todos os setores somados. No primeiro semestre de 2015, foram emplacadas 2.053.111 unidades, contra 2.492.247 no mesmo período de 2014.
Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Jr., o mercado ainda sofre os reflexos da economia em crise no Brasil. Com a expectativa ainda maior de queda no PIB Nacional (mais de 2%), alta no desemprego, queda real do salário e, especialmente, no investimento da iniciativa privada e do governo, o consumidor não tem segurança para ir às compras. “A falta de confiança reflete, diretamente, no mercado. Para o segundo semestre, esperamos que a média diária de vendas aumente um pouco, porém, o resultado de 2015 será cerca de 20% menor que o registrado em 2014 ”, explicou o presidente.
Projeções apontam queda de 23% para automóveis e comerciais leves
Com os ajustes na produção, o volume de estoque de veículos se mantém estável, em 49 dias, ou cerca de 323 mil unidades. Já os emplacamentos em queda fizeram com que a Fenabrave revisasse as projeções do setor para o encerramento deste ano.
Os segmentos de automóveis e comerciais leves apontam queda de 23% em 2015. Para caminhões, as perspectivas atuais são de redução de 45% nos emplacamentos deste ano e, para implementos rodoviários, a queda pode chegar a 46%.
O segmento de motocicletas deve permanecer com queda acumulada de 9% até dezembro. A Fenabrave estima que todos os segmentos somados encerrem o ano de 2015 com queda de 19,9%.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Continental amplia oferta de pneus autosselantes no mercado brasileiro

Solução atende quase todos os furos causados por objetos de até 5 milímetros de diâmetro e…