Home Notícias Jaguar Land Rover em Itatiaia recebe certificação internacional de construção sustentável

Jaguar Land Rover em Itatiaia recebe certificação internacional de construção sustentável

Comentários desativados em Jaguar Land Rover em Itatiaia recebe certificação internacional de construção sustentável
A unidade fabril da Jaguar Land Rover em Itatiaia/RJ acaba de conquistar a certificação LEED – Leadership in Energy and Environmental Design –, nível Gold, na categoria Bulding Desing + Construction. Constituída por cinco prédios, a nova planta  obteve pontuação superior a 60 em todas as edificações, tornando-a 100% Gold.
“Desde o início da instalação da unidade de manufatura no Brasil estivemos empenhados em conseguir esta certificação, portanto recebê-la é a prova de que colocamos as melhores práticas e iniciativas socioambientais em todas as fases de construção da fábrica desde a concepção e até hoje na operação diária”, comemora Neale Jauncey, diretor de operações de manufatura da Jaguar Land Rover Brasil.
A certificação foi criada pelo United Green Building Council (USGBC), organização não-governamental, que indica o empreendimento foi construído com medidas socioambientais, ou seja, o projeto conseguiu unir o bem estar de seus funcionários, ações para a comunidade em que está inserida e, principalmente, a redução ou eliminação dos impactos junto ao meio ambiente.
No Brasil a certificação LEED é representada oficialmente pelo Conselho de Construção Sustentável do Brasil (GBC-Brasil) que acredita as edificações no País e leva em consideração vários pré-requisitos até conquistar propriamente o selo como, por exemplo:
 
•Terreno sustentável: Incentivo e uso de transportes alternativos como carona, ônibus fretado e bicicletas; demarcação de vagas prioritárias no estacionamento para veículos de baixa emissão e baixo consumo; construção de um bicicletário; prevenção da poluição na obra e drenagem de águas pluviais;
 
•Uso racional de água: projetos de redução de consumo em toda a planta assim como diminuição de água potável para paisagismo;
 
•Energia e atmosfera: otimização de performance energética, gestão avançada do gás refrigerante, proibição do CFC;
 
•Materiais e recursos: depósito de recicláveis, gestão de resíduos durante o período de construção além de utilização de conteúdo reciclável e materiais regionais;
 
•Qualidade ambiente: plano de gestão da qualidade do ar, controle de fumaça de tabaco, uso de materiais de baixa emissão e iluminação natural;
 
•Inovação de projeto: programa educacional, implantações de tecnologias de água residual, gestão de resíduos da construção.
A unidade brasileira atingiu todos os pontos instituídos pelo LEED para obtenção do selo Gold com destaque para algumas ações como:
100% dos resíduos de terraplanagem foram dispostos no interior do terreno, sem a necessidade de empréstimos ou de bota-fora de material excedente;
Os resíduos gerados durante a construção foram segregados, de acordo com seus tipos, e reaproveitados na obra, evitando assim a destinação para o aterro;
Captação e retenção, em quatro lagoas, de água pluvial dos telhados e piso externos. A água captada é tratada e utilizada em mictórios, sanitários e processo industrial;
Redução de no mínimo 50% da potência da iluminação interna por meio da utilização de controle automático – programação de horário – das luminárias internas não emergenciais;
Adesão à politica Anti-Tabaco dentro das dependências da empresa;
Desenvolvimento do Programa de Educação Ambiental de instrução de colaboradores e visitantes sobre benefícios de uma construção verde e práticas e tecnologias sustentáveis aplicadas à concepção, construção e operação do empreendimento. Participaram até o momento aproximadamente 2.500 estudantes da cidade de Itatiaia e entorno.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Land Rover mantém a liderança no mercado de SUVs premium grandes

No segmento de SUVs Premium Grandes, a marca representou 36,3% do mercado ao longo de 2021…