Home Notícias Vela de ignição desgastada pode aumentar o consumo de combustível

Vela de ignição desgastada pode aumentar o consumo de combustível

Comentários desativados em Vela de ignição desgastada pode aumentar o consumo de combustível
O preço médio da gasolina caiu na última semana de acordo com o levantamento divulgado pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP). Ainda assim, o custo segue mais alto do que o praticado ao final de 2016, quando o valor chegou a R$ 3,655, ante os R$ 3,754 atuais. De acordo com a NGK, empresa especialista em sistema de ignição, a manutenção da vela pode ajudar o motorista a economizar ainda mais em combustível, sobretudo em tempos de alta.
A vela de ignição é o componente responsável por garantir que o combustível seja queimado de forma correta, sem desperdício. Por isso, o bom funcionamento da peça tem influência direta no consumo de gasolina ou etanol. “Além do gasto excessivo de combustível, as velas desgastadas podem causar falhas no motor, dificuldades na partida e até um aumento de emissões de poluentes”, explica o consultor de Assistência Técnica da NGK, Hiromori Mori.
Segundo o especialista, devido à evolução tecnológica dos veículos, nem sempre o motorista percebe quando a vela de ignição começa a dar problema e a consumir mais combustível. “Por isso, a checagem é tão importante”, diz Mori.
A vela de ignição com funcionamento irregular também pode causar danos em outros componentes como cabos, bobinas e catalisador. “Em geral, o valor da troca dos componentes é sempre superior ao da revisão preventiva. Por isso, indicamos a checagem das velas a cada 10 mil quilômetros ou conforme orientação da fabricante do veículo”, alerta o consultor de Assistência Técnica.
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Marcopolo tem novo modelo direcionado ao fretamento

Veículo oferece desempenho operacional focado no fortalecimento do setor de fretamento Com…