Home Notícias Di Grassi busca se estabelecer de vez na liderança da Fórmula E

Di Grassi busca se estabelecer de vez na liderança da Fórmula E

Comentários desativados em Di Grassi busca se estabelecer de vez na liderança da Fórmula E
A Fórmula E finalmente inicia sua “temporada europeia” de seu campeonato inaugural. Depois de etapas disputadas na China, Malásia, Uruguai, Argentina e duas nos Estados Unidos, a primeira categoria de monopostos movidos 100% a eletricidade fará uma corrida no Velho Continente. É o início da parte final da disputa, se se inicia em Mônaco neste sábado (9) e depois vai a Berlim (23 de maio), Moscou (6 de junho) e termina com a rodada dupla de Londres em 27 e 28 de junho.
Líder do campeonato, Lucas di Grassi faz mais uma corrida “em casa”. Depois de correr perto do Brasil nas etapas de Punta del Este e Buenos Aires, é em Monte Carlo que o piloto da Audi Sport ABT reside há pouco mais de cinco anos. “Sempre que ando de bicicleta por aqui acabo passando por partes do circuito, e é legal que a categoria chegue à Europa. Pode-se sentir o enorme interesse por parte dos fãs e da mídia por aqui. A sétima etapa tem tudo para ser um marco neste campeonato: com uma sólida performance nós almejamos nos estabelecer na melhor posição possível para o final da temporada”, espera o brasileiro.
A Fórmula E vai correr nas ruas de Mônaco em parte do circuito que há mais de 60 anos faz parte da história da Fórmula 1. O traçado utilizado neste final de semana tem 1.760 metros de extensão, o que para Di Grassi, é um bom tamanho para a categoria e trará um belo desafio. “O circuito não é curto para a Fórmula E, pois este é o conceito geral de todas as pistas da categoria. Sem dúvida seria muito legal para nós e para o público ver e ouvir os carros zunindo pelo túnel, mas esta diferenciação entre F-E e F-1 é necessária”, afirmou.
Mônaco terá o traçado mais curto da temporada. Ele começa na reta dos boxes, a mesma da F1, faz uma curva à direita e vai direto ao porto, não passando pelas famosas curvas do Cassino e o túnel. Do porto, os carros passam pela Tabacaria e pelos ‘esses’ da piscina. O simulador da equipe Audi Sport ABT estimam uma volta de classificação em torno de 48 segundos.
“A corrida é longa, vai ter 47 voltas, e Mônaco é conhecida por sua dificuldade em conseguir ultrapassagens. Por isso largar na frente é importante e usar a bateria de forma correta na corrida também”, explica Lucas, que fechou novos acordos de patrocínio com a marca de água mineral norueguesa VOSS – considerada a mais pura do mundo – e com a John Taylor Real State, empresa há 150 anos no mercado de imóveis de luxo.
A largada para a sétima etapa da Fórmula E acontece no sábado (9) às 11 horas de Brasília. A prova terá transmissão dos canais Fox Sports.
Programação do e-Prix de Mônaco
SÁBADO, 9 de maio
Treino 1: 03h15 – 04h00*
Treino 2: 05h30 – 06h00*
Treino Classificatório: 07h00 – 07h55*
Largada: 11h00*
HORÁRIO DE BRASÍLIA
Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Continental amplia oferta de pneus autosselantes no mercado brasileiro

Solução atende quase todos os furos causados por objetos de até 5 milímetros de diâmetro e…